Por norma as frieiras surgem no inverno, altura em que o frio se faz sentir com mais intensidade. É pois uma lesão que resulta da ação física do frio com os vasos sanguíneos superficiais. Com o frio, é normal que os vasos sanguíneos contraiam e esta ação pode impedir a natural circulação do sangue nas extremidades, o que faz com que a pele dessas zonas não aqueça.

Por esta razão, as frieiras são mais frequentes nos dedos das mãos e dos pés, orelhas e nariz. Embora possam também aparecer noutras zonas do corpo.

Como reconhecer:

Trata-se de uma lesão que provoca sintomas bastante característicos e desagradáveis, como:

- Bolhas,
- Dor,
- Inchaço,
- Comichão, que pode ser intensa,
- Pele dormente e branca, em determinadas situações azulada,
- Pele fria e vermelha.

Como tratar:

A boa notícia é que de facto é tratável:

Para evitar esta situação deve hidratar bem a pele e proteger-se do frio.
No entanto, deve consultar o seu médico se o problema se intensificar:

- Se os sintomas acima descritos de intensificarem,
- Se tiver febre,
- Se sentir dor intensa e começar a sentir algum tipo de dificuldade motora e
- Se a pele começar a ficar esbranquiçada e com bolhas.